Seja Dizimista

Rádio Catedral

rdio

Litugia Diária

 

Facebook

Normas para realização de casamentos na Catedral

O Matrimônio é, como diz São Paulo: "Um grande Sacramento", que deve ser recebido em graça de Deus. Procurem os noivos com antecedência essa disposição fundamental, recebendo os sacramentos da Penitência e da Santa Eucaristia. Compenetrem-se da grandeza do Sacramento que vão receber e não se preocupem excessivamente com o secundário: passarela, música, flores, fotografias, filmagens etc... Mais que o luxo (que é anti-cristão), procurem um casamento litúrgico e piedoso, mostrando assim o apreço que tem por este grande Sacramento. Na nova liturgia do Casamento, somente são permitidas as seguintes músicas, que deve ser exclusivamente religiosas ou clássicas:


* 1 música na entrada do noivo com as testemunhas, pai e demais pessoas que queiram "desfilar".
* 1 música na entrada da noiva com as damas (se houver). Do momento que começa a tocar a primeira música até o momento de terminar de tocar a segunda, nunca deve durar mais de 5 minutos, inclusive o tempo de intervalo entre uma e outra.
* 1 música na Bênção das alianças. Não deve ser tocada enquanto o celebrante ou os noivos estão falando.
* 1 música, tipo interlúdio, durante as assinaturas e fotografias.
* 1 música no final para acompanhar a saída dos noivos.

 


1 – DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA O PROCESSO

1.1 – Certidão de Batismo – A Certidão deverá ser retirada na igreja onde aconteceu o batizado. Tem que ser atualizada e só tem validade por seis meses.

Na falta comprovada da Certidão, precisa ser feito o juramento supletório do Batismo, comprovando estado livre para o casamento, diante de duas testemunhas qualificadas. Sendo pai ou mãe basta uma só testemunha.

1.2 – Xerox da identidade dos noivos.

1.3 – Declaração do cartório, atestado de que o casamento civil está marcado de acordo com as exigências legais.

1.4 – Certificado do encontro de noivos

1.5 – Atestado de óbito do consorte falecido, em caso de viuvez.

 

2 – PROCESSO MATRIMONIAL

- Deve ser providenciado três (03) meses antes do casamento, na Paróquia ou Comunidade de qualquer um dos noivos, podendo também ser encaminhado na paróquia em que frequentam.

A taxa do casamento é de 1,5 salários mínimos, sendo este valor dividido em duas parcelas: 50% no ato da reserva e o restante até 60 dias da data do casamento.

SE HOUVER DESISTÊNCIA DO CASAMENTO SERÁ DEVOLVIDO SOMENTE 50% DA TAXA QUE FOI PAGA.

- Os noivos devem manifestar na preparação do processo:
- se há qualquer parentesco entre si.
- se algum deles já se casou no civil ou no religioso com outra pessoa.

Os noivos deverão comparecer na Secretaria Paroquial para uma entrevista com o padre, em um dos seguintes dias e horários:

Terça, quarta, quinta-feira ou sábado, das 09h às 11h;

Terça e quinta-feira, das 15h às 17h30min.

 

3 - ORNAMENTAÇÃO E FOTOGRAFIAS

- É PERMITIDO colocar flores no piso ao lado do tapete ou pequenos enfeites ao longo do corredor (desde que não ultrapassem a altura do encosto dos bancos) e 04 arranjos, sendo 02 na porta principal e 02 junto ao altar.

NÃO é permitido colocar flores sobre o altar e na mesa da comunhão.

É permitido cobrir os bancos dos padrinhos, não podendo usar fitas adesivas, arames, pregos e outros acessórios que possam danificar os bancos.

- O tapete deve ser convencional. A Igreja se encarrega de colocar um tapete de cor vermelha caso não haja outro. AVISAR NA SECRETARIA.

- A floricultura deve retirar toda a ornamentação no dia em que ocorrer a celebração do casamento, deixando a Igreja organizada e limpa. FAVOR REPASSAR ESSAS ORIENTAÇÕES PARA A FLORICULTURA

- Durante o período da QUARESMA, s imagem de N. Sra. Auxiliadora (ao fundo do altar) e a dos demais santos ficam cobertas, não sendo permitido descobrir as imagens para a cerimônia.

- Durante a leitura da Palavra de Deus e homilia, deve-se abster de tirar fotografias, para não distrair a atenção dos noivos e dos convidados.

Não é permitido jogar arroz, pétalas de flores ou similares na saída dos noivos da Igreja.

INFORME-SE NA SECRETARIA SOBRE O HORÁRIO DA DECORAÇÃO

OBS.: A PARÓQUIA NÃO SE RESPONSABILIZA POR FAZER ACORDO QUANTO À DECORAÇÃO ENTRE OS NOIVOS, CASO HAJA MAIS DE UM CASAMENTO NO DIA

 

4 - HORÁRIO

- É de máxima importância a pontualidade no horário. O período para realização do casamento é de 01 (uma) hora.

- Não é permitido o atraso dos noivos, em respeito ao celebrante.

 

5 - MÚSICAS

- DEVEM SER APROPRIADAS para a ocasião e de preferência que sejam religiosas. Ficam proibidas músicas como samba, pagode, reggae, olodum, bolero, rock, funk e similares.

 

6 - CELEBRANTE

- Na Catedral os responsáveis por assistirem os casamentos são os DIÁCONOS PERMANENTES.

- Caso os noivos desejem um padre, estes devem providenciar com antecedência e avisar 20 DIAS antes do casamento os seguintes dados do celebrante: nome do padre, nome da paróquia a qual pertence o padre. Se o padre for de outra cidade, os noivos devem trazer com 30 DIAS de antecedêrncia: nome do padre, nome da cidade e diocese, nome do Bispo, declaração de uso de ordens do padre e cópia da carteira de padre.

Em nenhuma hipótese o padre ou diácono poderá realizar a cerimônia em locais como salões de festa, chácaras e/ou similares. A cerimônia religiosa só poder ser feita dentro da Igreja.


Pedimos com cordialidade que se obedeçam todas as normas, para não haver nenhum constrangimento.

Praça Dom Emanuel, s/n Setor Central – Goiânia-GO 74030-140
E-mail: contato@catedralgo.com.br
Telefone: (62) 3223-4581 / 3225-0339 Fax: (62) 3229-4115